Edital de Seleção

A CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES está selecionando jovem para o Centro de Documentação e Memória Sindical/CEDOC, para início imediato no programa de aprendizagem Jovem Aprendiz, com o seguinte perfil:

  1. Perfil do candidato(a): Jovem Aprendiz
  2. Formação: Estudante do curso Técnico em Biblioteconomia, Técnico de Arquivo, História.
  3. Jornada de trabalho: 30hs.
  4. Local de Trabalho: CUT Nacional, Rua Caetano Pinto, 575. Brás
  5. Benefícios concedidos:
  • Assistência Médica;
  • Assistência odontológica;
  • Vale Refeição;
  • Vale Alimentação;
  • Vale Transporte.

Os(as) interessados(as) deverão enviar currículo pelo e-mail: rdp@cut.org.br ou entregar diretamente para o RH na sede da CUT em São Paulo.

São Paulo, julho de 2018.

 

MOÇÃO DE REPÚDIO

O panorama sombrio – que, aliás, já tivemos oportunidade de caracterizar a propósito da negligência com que têm sido tratados os organismos de custódia e pesquisa no Brasil – atinge agora a Universidade de Campinas. Ante a iminência de fechamento da biblioteca do Centro de Memória da UNICAMP (CMU) por falta de funcionários, a Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP) e a Associação Nacional de História – Seção São Paulo (ANPUH-SP) manifestam sua solidariedade à diretora demissionária e repudiam toda e qualquer medida que possa tolher o cumprimento da missão institucional deste Centro, responsável pelo acervo mais completo de obras e documentos relacionados com a história de Campinas.

 

São Paulo, 19 de julho de 2018.

Ana Célia Navarro de Andrade

Presidente da ARQ-SP

Circe Maria Fernandes Bittencourt

Presidente da ANPUH-SP

 

Manifestação da ARQ-SP e da ANPUH-SP dirigida ao Prefeito do Município de Santos

 

 

O PATRIMÔNIO HISTÓRICO DE SANTOS

 

UM CASO LAMENTÁVEL DE OMISSÃO E ABANDONO

 

 

Nos últimos dias a imprensa santista tem chamado a atenção para algo que, na verdade, vem ocorrendo há tempos: o abandono a que a Prefeitura relegou importantes componentes do patrimônio documental da municipalidade. Em sua face mais visível, o abandono compromete dois monumentos de inestimável valor histórico e turístico: o Outeiro de Santa Catarina e a Casa de Frontaria Azulejada, marcos emblemáticos da história da cidade que foram objeto de cuidadoso e caro processo de restauração antes de ser entregues à Fundação Arquivo e Memória de Santos (FAMS), em 1992, para que neles se desenvolvessem serviços de sua competência, como a guarda de documentos e atividades expositivas. O que ninguém vê, no entanto, é a falta de funcionários, a precariedade dos equipamentos de conservação preventiva, a quase nenhuma manutenção das dependências em que funciona o Arquivo Intermediário e a inexistência de recursos para dar continuidade a iniciativas (cursos, encontros de arquivos municipais, publicação de instrumentos de pesquisa) que sempre distinguiram a FAMS em meio à comunidade arquivística e de pesquisadores.

 

Atentas, por dever estatutário, a todo e qualquer problema que afete as políticas públicas voltadas para a preservação da memória, no âmbito do Estado de São Paulo, a Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP) e a Associação Nacional de História – Seção São Paulo (ANPUH-SP) demandam da Prefeitura Municipal de Santos, com a devida urgência, as medidas que permitam reverter esse lastimável estado de coisas.

 

São Paulo, 11 de junho de 2018.

Ana Célia Navarro de Andrade

Presidente da ARQ-SP

Circe Maria Fernandes Bittencourt

Presidente da ANPUH-SP

 

 

 

[JAP 01/18] Gestão de dados de pesquisa

Data: 21 de junho de 2018

Horário: das 10:00 às 17:00

Local: Sala de vídeo do Departamento de História da FFLCH-USP.  Rua Prof. Lineu Prestes, 338, 2º andar. Cidade Universitária, São Paulo-SP. (Como chegar)

DOCENTE: Luís Fernando Sayão é graduado em Física pela UFRJ, mestre e doutor em Ciência da Informação pela UFRJ/IBICT. Servidor da  Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), onde já exerceu os cargos de chefe do Centro de Informações Nucleares (CIN); chefe da Divisão de Tecnologia da Informação; coordenador-geral de Informática; representante do Brasil no INIS – International Nuclear Information System (AIEA/ONU) e coordenador-geral da RRIAN – Red Regional de Información en el Área Nuclear. Foi conselheiro do CONARQ e é membro da Câmara Técnica de Documentos Eletrônicos do CONARQ. Leciona no Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia da UNIRIO e no Programa de Pós-Graduação em Memória e Acervos da Fundação Casa de Rui Barbosa. Foi membro do Comitê Técnico-Científico do IBICT e da Comissão de Ensino da CNEN. (Veja o currículo completo)

EMENTA: Cenários que dão origem à geração, uso e compartilhamento intensivos de dados: eScience, Ciência Aberta, Humanidades Digitais, simulação, big data científico versus cauda longa da ciência; a diversidade do conceito de dados de pesquisa, classificação e fluxos; o compartilhamento e reuso e suas vertentes temporais, disciplinares e setoriais; as especificidades da gestão de dados: preservação, curadoria, arquivamento confiável; plataformas de repositórios de dados: tecnologias, serviços, armazenamento, análise, processamento e visualização de dados; plano de gestão de dados: estrutura e ferramentas; política de gestão de dados: sustentabilidade, licenças, dado sensíveis, aspectos éticos e legais.

OBJETIVOS: Levar ao conhecimento dos alunos os fenômenos relacionados à geração, uso intensivo e compartilhamento de dados de pesquisa por segmentos da ciência contemporânea. No final da oficina o aluno deverá compreender as especificidades da gestão e curadoria de dados e as infraestruturas necessárias para o arquivamento, compartilhamento e reuso de dados de pesquisa.

PROGRAMA:

  • Cenários do protagonismo dos dados de pesquisa
  • O que é dado de pesquisa
  • Compartilhamento e reuso
  • Gestão de dados de pesquisa
  • Curadoria digital de dados de pesquisa
  • Infraestruturas tecnológicas  necessárias
  • Plano de gestão de dados de pesquisa
  • Política de dados de pesquisa

 

INVESTIMENTO

Associados* – Profissional: R$ 100,00 / Estudante**: R$ 50,00

Não associados – Profissional: R$ 130,00 / Estudante**: R$ 65,00

Empenho*** – Instituição associada: R$ 100,00 / Instituição não associada: R$ 130,00 

Formas de pagamento: O pagamento deverá ser realizado exclusivamente por meio da Loja online da ARQ-SP Nossas cobranças são processadas pelo PagSeguro e você pode optar entre boleto bancário (à vista) ou cartão de crédito.

(*) Para ter direito ao desconto, os associados devem enviar cópia do comprovante de pagamento da anuidade vigente ou solicitar boleto para pagamento, pelo e-mail diretoria@arqsp.org.br.

(**) A categoria “estudante” destina-se a alunos regularmente matriculados em cursos de graduação ou cursos técnicos. Alunos de pós-graduação, especialização e cursos livres devem se inscrever na categoria “profissional”. No ato da inscrição, é  preciso enviar cópia de atestado de matrícula para o e-mail diretoria@arqsp.org.br. 

(***) Pagamento por empenho: O desconto oferecido para associados será aplicado apenas para Instituições em dia com a anuidade vigente. Entrar em contato com o e-mail diretoria@arqsp.org.br antes de fazer a inscrição.

 

VAGAS LIMITADAS!

SERÁ CONFERIDO CERTIFICADO DE PARTICIPAÇÃO

A CONFIRMAÇÃO DA VAGA ESTÁ CONDICIONADA AO PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO

INFORMAÇÃO IMPORTANTE – INSTRUÇÕES PARA A INSCRIÇÃO:

  1. Faça o cadastro no site da Associação de Arquivistas de São Paulo (www.arqsp.org.br). Clique em MINHA CONTA no menu superior e preencha as informações solicitadas.
  2. Após realizar seu cadastro, saia do sistema para validar os dados.
  3. Acesse a LOJA da ARQ-SP e clique na opção adequada, de acordo com a categoria informada (Selecione pelo código JAP 01/18).
  4. Realize a compra do curso, seguindo o passo a passo informado pelo site.
  5. Somente alunos de cursos técnicos e de graduação são considerados ESTUDANTES.
  6.  Somente associados da ARQ-SP têm direito ao desconto referente a essa categoria.

 

 

II semana nacional de arquivos (2)

[Curso Especial] Embalagens para documentos pessoais

Acervo

 

 

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES:

Para ter direito ao desconto, os associados devem enviar para diretoria@arqsp.org.br cópia do comprovante de pagamento da anuidade vigente (referente ao ano 2018) ou solicitar boleto para pagamento.

A categoria “estudante” se aplica apenas a alunos regularmente matriculados em cursos técnicos (ensino médio) e de graduação. Alunos de pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado) devem se inscrever na categoria “profissional”. No ato da inscrição, é  preciso anexar cópia do atestado de matrícula no sistema.

 

Informações sobre pagamento:

O pagamento deverá ser realizado exclusivamente por meio da Loja da ARQ-SP.

Nossas cobranças são processadas pelo PagSeguro e você pode optar entre boleto bancário (à vista) ou cartão de crédito (com opções de parcelamento).

 

INFORMAÇÃO IMPORTANTE – INSTRUÇÕES PARA A INSCRIÇÃO:

  1. Faça o cadastro no site da Associação de Arquivistas de São Paulo (www.arqsp.org.br). Clique em MINHA CONTA no menu superior e preencha as informações solicitadas.
  2. Após realizar seu cadastro, saia do sistema para validar os dados.
  3. Acesse a LOJA da ARQ-SP, clique em CURSOS, e depois na opção adequada, de acordo com a categoria informada (Selecione pelo código [Curso Especial]).
  4. Realize a compra do seminário, seguindo o passo a passo informado pelo site.
  5. “Estudantes” devem anexar o comprovante de matrícula no sistema durante o processo de inscrição.

Vaga para Assistente Administrativo

Atividades:

Arquivo e gestão de documentos do Departamento Jurídico, monitorar entrega de notificações, elaborar planilhas e apresentações em Power Point e controlar SLA de contratos do departamento.

Horário: De segunda à sexta-feira, das 9h às 19h.

Local: Santo André – Próximo à estação de trem Prefeito Celso Daniel.

Salário e benefícios compatíveis com o mercado.

 

REQUISITOS

– Desejável experiência com arquivos no segmento jurídico.

– Desejável formação em Arquivologia (em andamento ou concluído).

– Necessário conhecimento intermediário em Excel e Power Point.

– Necessário ter fácil acesso à região de Santo André.

Os interessados deverão encaminhar currículo atualizado para fabiocarrico@cvccorp.com.br, com assunto CV Assistente Administrativo.

 

Prazo para recebimento de currículos: Até 21/05.

Vagas para assistente de arquivo

O Arquivo Bienal agradece pelo interesse e informa que o prazo para recebimento de currículos para vaga de assistente de arquivo foi encerrado.

Somente os candidatos selecionados receberão contato para marcar entrevista.

Os demais currículos serão reservados para futuras oportunidades.

 

 

A Fundação Bienal de São Paulo possui duas vagas abertas para assistente de arquivo para trabalhar no projeto de organização de seu acervo.

Contrato: CLT.

Salário: R$ 3.200,00, com benefícios (plano de saúde, VR, VT).

ATENÇÃO:

O contrato é temporário até dez/18, com possibilidade de renovação por mais 12 meses.

Os interessados deverão encaminhar currículo para o e-mail: arquivo.historico@bienal.org.br

Convite_PalestraMaio

[Palestra] Os documentos da música: a partitura

O Arquivo Geral da USP e a ARQ-SP convidam

Palestras do Arquivo Geral da USP – Alinhando Conceitos

OS DOCUMENTOS DA MÚSICA:

A PARTITURA

com

Adriano de Castro Meyer

Ana Maria de Almeida Camargo

Paulo Castagna

 

Com o propósito de discutir questões conceituais relacionadas com a prática arquivística, de preferência aquelas que envolvem abordagens interdisciplinares e não desfrutam de consenso entre profissionais da área, o Arquivo Geral da USP, em parceria com a Associação de Arquivistas de São Paulo, promove uma série de debates que, sob o título Alinhando Conceitospretende, de tempos em tempos, focalizar assuntos polêmicos.

O primeiro da série tem por objeto a partitura musical e seu estatuto como documento de arquivo. O debate será coordenado por Ana Maria de Almeida Camargo e contará com a participação de dois musicólogos: Adriano de Castro Meyer, que discorrerá sobre “Peculiaridades da partitura como documento musical”, e Paulo Castagna, cujo tema é “A unicidade do documento e a multiplicidade da representação de obras em acervos musicais”.

Conheça os palestrantes:

Adriano de Castro Meyer é graduado em Música pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e mestrando em Musicologia pelo Instituto de Artes da UNESP. Trabalha no Serviço de Arquivo do Instituto de Estudos Brasileiros da USP.

Paulo Castagna é doutor em História Social e mestre em Artes pela Universidade de São Paulo. Professor e pesquisador do Instituto de Artes da UNESP.

Ana Maria de Almeida Camargo (coordenadora) é professora sênior do Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.

Quando? 14 de maio de 2018, às 14 horas.

Onde? Arquivo Geral da USP. Rua Francisco dos Santos, 107, Cidade Universitária, São Paulo-SP (travessa da Av. Prof. Lineu Prestes, altura do Instituto de Ciências Biomédicas ICB-4). Clique aqui e veja como chegar.

Quanto? Grátis!

Vagas limitadas

Clique aqui para fazer a sua inscrição

Atenção: Esta é uma atividade gratuita e as vagas são limitadas. Evite fazer sua inscrição se não estiver seguro de seu interesse ou se não tiver certeza de que terá condições de comparecer. Assim você contribui para que outros interessados não fiquem sem vaga! 😉

Será conferido certificado aos participantes

Máster Universitario en Patrimonio Histórico Escrito

La segunda edición del MÁSTER UNIVERSITARIO EN PATRIMONIO HISTÓRICO ESCRITO se desarrollará en la Universidad Complutense de Madrid durante el curso 2018/19.

 

PRESENTACIÓN

La principal justificación de un Máster Universitario con intención de formar profesionales relacionados con el estudio, catalogación y difusión del patrimonio histórico escrito viene dada por la relevancia que éste tiene dentro del ámbito cultural español e internacional, y la importancia que ha adquirido su conservación, preservación, defensa y difusión tanto en las instituciones públicas como en las privadas.

 

A efectos de lograr los objetivos propuestos, se podrán realizar prácticas externas, entre otras, en las instituciones siguientes:

– Museo Arqueológico Nacional.

– Biblioteca Histórica Marqués de Valdecilla.

– Archivo Diocesano de Madrid.

– Archivo Regional de la Comunidad de Madrid.

– Real Academia de Bellas Artes de San Fernando.

– Archivo General de la Universidad Complutense de Madrid.

– Fundación Juan March

– Archivo de la Real Academia Española

– Archivo del Museo Naval

– Archivo y Biblioteca. Real Jardín Botánico

– Biblioteca Nacional de España

– Archivo Municipal de Toledo

– Archivo Histórico Provincial de Guadalajara

– Biblioteca de la Real Academia de Ciencias Morales y Políticas

– Fundación Lázaro Galdiano

– Museo Cerralbo

 

ESTRUCTURA DEL PLAN

Tipo de asignatura      ECTS

Obligatorias            48

Prácticas Externas      6

Trabajo Fin de Máster   6

Total                   60

 

 

MATRICULACIÓN

Plazos de inscripción 2018

Plazo extraordinario:

4 de abril a 4 de mayo de 2018

Plazo residual:

3 a 5 de septiembre de 2018

 

 

INFORMACIÓN GENERAL

Preinscripción: https://www.ucm.es/proceso-de-admision-masteres

Webs del Máster:

https://www.ucm.es/master-patrimoniohistoricoescrito/

http://www.ucm.es/estudios/master-patrimoniohistoricoescrito

 

Contacto: Dr. Manuel Joaquín Salamanca López, coordinador del Máster msalaman@ghis.ucm.es

 

  • Associação de Arquivistas de São Paulo
    ARQ-SP
  • Av. Prof. Lineu Prestes, 338 - Térreo Sala N
    CEP: 05508-000 - São Paulo - SP
  • Telefone / Fax: (11) 3091-3795
    Email: diretoria@arqsp.org.br